Adicionar aos favoritos   Login   Pesquisar 

Notícias

2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20 21 

16/01/2009

Crise faz aumentar abandono de animais domésticos.

(Fonte: Diário de Leiria)

O número de animais abandonados em Leiria tem aumentado nos últimos meses, situação que não será alheia à crise financeira em que o País está mergulhado.


Maria dos Anjos, da Associação Zoófila de Leiria, não tem tido mãos a medir. Sem avançar com dados concretos, aquela responsável disse ao nosso jornal que, nos últimos meses, os pedidos de ajuda têm aumentado de forma significativa, havendo mesmo casos de famílias que entregam os animais porque foram forçadas a mudar de casa.


"São pessoas que tinham vivendas e que estão a vender as suas casas para passar para apartamentos e ter dois ou três cães em casa é complicado", explicou Maria dos Anjos, lamentando que, em alguns casos, os pedidos de ajuda sejam "no próprio dia" .


Questionada sobre a existência de casos de abandonos porque as famílias não conseguem suportar financeiramente os animais, Maria dos Anjos afirma desconhecer qualquer situação, mas mostra-se crítica quanto a essa possibilidade.


"Não aceito tão pouco que alguém me diga que não tem dinheiro para dar de comer aos amimais. Nem que, para isso, nós os ajudemos", referiu.


Quanto ao número de animais entregues no canil municipal, Maria dos Anjos disse que também está a aumentar. “A quantidade de animais entregues ao canil municipal é muito grande, sobretudo nos últimos meses”, frisou.


Ainda assim, o que mais “indigna” aquela responsável são “os cachorros que foram adoptados há 15 dias e que as pessoas não estão preparadas para os receber e, por isso, os abandonam”.
“Desde meados de 2008 que as pessoas adoptam animais com extrema facilidade”, constatou, embora reconhecendo que, depois da entrada em vigor do chip, “há pessoas que deixam de os adoptar, porque passam a ser identificadas” pela associação.


“É preferível assim, porque as pessoas não têm coragem para entregá-los novamente”, disse.


Outra das preocupações de Maria dos Anjos é o controlo da natalidade, situação que, em muitos casos, leva ao abandono dos animais, já que “deixa de haver espaço para os ter”.


“Preferimos que as pessoas pensem bem antes de adoptar um animal”, sugeriu.

Rss
Treino de Cães ao Domicílio «» Casa do alto